Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Não sejas engraçadinha!

Como é costume dizer nestas lides "Este é um blog sobre tudo e sobre nada"

Não sejas engraçadinha!

Como é costume dizer nestas lides "Este é um blog sobre tudo e sobre nada"

Já dói!

Faz um mês que estou em casa.

Há um mês que faço duas saídas semanais: ao sábado de manhã vou ao supermercado e ao domingo almoço com os meus pais... sim... nós sabemos que não deviamos, mas já expliquei aqui… somos 5... nas primeiras duas semanas não saí mesmo vez nenhuma... cheguei a um ponto de me ver a chorar à frente da televisão... aquele anúncio da NOS, aquele som da guitarra portuguesa era o suficinete para as lágrimas começarem a correr, as notícias do jornal da noite... tivemos que adotar medidas para ter algum equilibrio...

Agora, quando entro em casa no fim de almoço de domingo e penso… ‘agora só voltas a sair de casa no próximo sábado de manhã…’

Já dói!

O teletrabalho ocupa-me uma boa parte do tempo, mas eu detesto estar em teletrabalho. Há dias em que corre tudo bem, mas há dias que só me apetece atirar com o computador pela janela. Coisas que se resolviam com uma simples conversa à porta da sala de um colega, agora é preciso enviar uma carrada de emails a 10 pessoas ou então falar naquelas plataformas do demo em que parecemos todos uns ‘procurados pela polícia’ e em que a maior parte das vezes a voz ficar cortada ou a imagem congela… uma seca!

Depois é aquela sensação de ‘parece que não saí do trabalho…’, desligo o computador, vou para o sofá… falta-me o trajeto casa/trabalho, podia ser uma seca, mas fazia-me muito bem à cabeça… aquela hora que demorava a ir da Expo ao Terreiro do Paço era o suficiente para ‘desligar’ e agora parece que não… desligo.

Sou eu e o gato… o gato e eu! Vou até à varanda, da varanda vou à cozinha, como uma bolacha, vou… para onde? Fazer o quê?

Limpo o que está limpo. Já lavei a casa de banho mais vezes este mês do que nos 2 meses anteriores. Se há coisa que detesto fazer é lavar o chão (aquela coisa do balde e da esfregona… odeio)… pois, neste mês que passou já lavei o chão TODO da minha casa DUAS vezes!

Arrumo o que está arrumado. Não tenho UMA peça de roupa para passar a ferro. O cesto da roupa suja está a meio.

Estou quase a terminar de ler os livros que tinha na estante por ler (só me falta um).

Até a minha conta bancária deve estar a estranhar a ausência de movimentos… nem uma Zara, uma Mango, um restaurante… Os únicos movimentos são a compra semanal no supermercado, a compra quinzenal no veterinário e as contas do costume.

É verdade que esses movimentos representam atividades que não me fazem falta… com exceção dos restaurantes.

A única atividade que realmente me faz falta, da qual tenho uma saudade imensa é o IR!

E não há meio de se ver a tal luz ao fundo do túnel!

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Facebook

Follow

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D