Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Não sejas engraçadinha!

Como é costume dizer nestas lides "Este é um blog sobre tudo e sobre nada"

Não sejas engraçadinha!

Como é costume dizer nestas lides "Este é um blog sobre tudo e sobre nada"

A minha primeira vez num jogo da bola

Ontem liguei a televisão e estava a dar o jogo da Seleção Nacional. Não me perguntem qual foi o resultado porque é assunto que me passa um bocado ao lado. Nunca fui moça de ligar aos assuntos da bola, acho sempre que são um bando de comadres a lavar roupa suja em praça pública. Já o meu Paulo seguia tudo até ao mais ínfimo pormenor, principalmente quando o assunto era o seu amado SLB.

Ontem lembrei-me da primeira vez que assisti a um jogo da bola com o meu Paulo… no estádio. Num sábado de manhã, o meu Paulo entra na cozinha com o tablet na mão e diz:

- Morzinho, ganhei dois bilhetes para a ir à bola!

- Então, como foi isso?

- Há dias vi um concurso, concorri e … olha tá aqui o e-mail a dizer que posso ir levantar dois bilhetes para ver o jogo do Benfica-Académica, hoje à tarde.

- Boa! Porque é que não convidas o teu pai para ir contigo? De certeza que ia gostar.

- Ah, não! Não te vou deixar aqui sozinha num sábado à tarde… eu sei que gosta de passear um bocadinho, podias vir comigo…

- Eh, morzinho, jogos da bola não são de todo a minha praia! Tu sabes isso. Eu não fico chateada, a sério, convida o teu pai…

Ficámos ali um bocadinho num impasse, até que eu lá cedi:

- Pronto, não vais perder os bilhetes. Vou despachar o almoço cedo, primeiro damos uma voltinha no Colombo e depois vamos à bola.

Lembro-me que o Benfica perdeu o jogo.

Alguns dias depois Sr. Meu Pai perguntou-me o que tinha achado da experiência e se era para repetir, ao que o meu Paulo respondeu:

- Não, não é. É o que dá levar não-benfiquistas como companhia. A sua filha é ave de mau agoiro.

Uma pessoa faz um miminho ao seu amorzinho e passa uma tarde a fazer o que não gosta!

Uma pessoa tem que trepar até ao topo do Evereste, os lugares eram só no cucuruto da bancada!

Uma pessoa apanha um frio de rachar, fiquei gelada até aos ossos, até batia o dente!

E no fim, aquela cambada de coxos perde o jogo e A CULPA É MINHA!

...

Escusado será dizer que o meu Paulo esteve uns dias a ‘dormir no tapete’!

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Facebook

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D